Skip to content

Fintech potiguar obtém certificado internacional de segurança

Em meio ao avanço de serviços digitais em todo o mundo, as empresas precisam aperfeiçoar seus sistemas para garantir a segurança de suas operações e preservar os clientes de riscos de fraudes e prejuízos financeiros. A fintech potiguar Orendapay está fazendo sua parte para assegurar a proteção de seus usuários.

Especializada em gestão de recebíveis e meios de pagamento, a startup conquistou neste mês o certificado internacional PCI DSS (abreviação de Payment Card Industry – Data Security Standard), que atesta a segurança e a qualidade da sua plataforma. O PCI DSS é referência em segurança em todo o mundo, sendo adotado especialmente por grandes administradoras de cartões de crédito.

A certificação confere uma garantia a mais para clientes de fintechs. Pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), em junho deste ano, revelou que 59% dos internautas foram vítimas de algum tipo de fraude financeira nos últimos 12 meses, tendo um aumento de 28% em relação a 2019, quando as fraudes envolveram 46% destes consumidores.

O prejuízo estimado, nestes casos, é de R$ 2,7 bilhões neste último ano, incluídos os gastos na busca de reparação do problema, o que motivou um incremento, por partes das instituições financeiras e fintechs, em segurança digital para combater a crescente onda de fraudes na internet.

O certificado PCI DSS é conferido a empresas após a realização de auditorias e análises técnicas, incluindo teste de invasão de sistemas e avaliação de vulnerabilidade. “Ficamos felizes ao ter nossa plataforma aprovada pelo PCI Compliance, o que confere o melhor grau de confiança de organismos internacionais ao nosso sistema ao mesmo tempo que garante total tranquilidade aos nossos usuários, protegendo–os de fraudes e vazamentos de dados”, define o diretor da Orendapay, Kennedy Diógenes, um dos sócios-fundadores da empresa — os outros são Sanderson Mafra, Aluízio Dutra Filho e Rafael Marinho.

Novidades
A Orendapay tem novas metas para o futuro próximo, como antecipa o diretor Sanderson Mafra. Uma das próximas novidades será a inclusão do Pix em seu sistema. “Estamos em fase de conclusão para incorporar mais esse serviço, atendendo a uma demanda de mercado e, principalmente, a uma exigência dos nossos usuários”, explica o diretor.

Fundada no Rio Grande do Norte há três anos, a Orendapay oferece várias funcionalidades de meios de pagamento em sua plataforma. Além da emissão de boleto, a startup potiguar disponibiliza cartão de crédito, débito, automatização da cobrança e emissão de notas fiscais de serviços e produtos para quase 4 mil municípios no Brasil. Os usuários da fintech contam ainda com diferenciais extras, como a possibilidade de remeter a inadimplência para a cobrança administrativa humanizada.

O mercado de fintechs está em franca expansão no Brasil. Dados do ecossistema Distrito apontam um crescimento superior a 100% no número de empresas do setor entre 2015 e 2021: de 474 há seis anos, passou a 1.174 neste ano. No mesmo período, as fintechs atraíram mais de US$ 3 bilhões em investimento.

Acesse www.orendapay.com.br

Posts Relacionados

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

× Como posso te ajudar?